Notícias

Como posso te ajudar a evitar prejuízos

postado dia 16 /11/2017

 

Infelizmente, o conceito de manutenção ainda não é muito valorizado e as empresas descobrem que seus no-breaks não estão em perfeitas condições de funcionamento quando ocorrem variações ou faltas de energia. Durante o período de chuvas, estes eventos são muito mais incidentes, o que gera prejuízos financeiros para empresas que não se preveniram.

Em maio de 2018 completarei 20 anos trabalhando no Grupo Anpla  e vivencio as mudanças do mercado de energia continuada. Antigamente, não havia o conceito de manutenção de no-break, por exemplo, porque era difícil tangibilizar isso. Quando comecei aqui no grupo, muitas empresas não compreendiam a importância de garantir a qualidade da energia que alimenta as cargas. Diferente de hoje, elas desembolsavam fortunas com servidores e outras cargas.

Com a disponibilidade de informações providas pela internet e a valorização das informações, as empresas passaram a dar mais atenção ao assunto ,qualidade da energia, e a ficar mais exigentes. Isso beneficia as empresas que tratam o assunto com muita seriedade e profissionalismo, como nós do Grupo Anpla.

Como eu disse antes, nem todas as empresas estão prontas para o período das chuvas. Algumas devem instalar UPS para proteger suas cargas críticas, seja por aquisição de ativos ou por locação, outras precisam da manutenção preventiva, que nós realizamos, para evitar surpresas inesperadas que possam causar prejuízos como a queima de aparelhos e panes elétricas, que acarretam grandes perdas.

Em outubro lançamos a campanha Vai Chover Prejuízo, para alertar nossos clientes e parceiros. Nosso objetivo é conscientizar as empresas que realizar a manutenção preventiva, principalmente antes do período de chuvas, não é uma despesa, mas um investimento. Do contrário, elas podem ter de contratar a manutenção corretiva, que resolve o problema já ocorrido. No segundo caso, o investimento é maior.

Para evitar más surpresas, nossos técnicos têm treinamento especializado em cada marca fabricante de no-breaks e estabilizadores e treinamento NR10, para diagnosticar se o equipamento está se comportando adequadamente. É importante que qualquer manutenção seja realizada por um técnico, pois ele possui um banco DC e de capacitores, que podem causar danos físicos à pessoas leigas.

Se o no-break ou estabilizador da sua empresa parar de funcionar, o ideal é entrar em contato conosco para realizarmos atendimento remoto gratuito. Se necessário, encaminhamos um técnico para atendimento no local. Conte conosco e faça a manutenção preventiva dos equipamentos da sua empresa para não ter nenhum prejuízo.

 

Rafael Gamba.

Engenheiro e Gerente de Operações de Energia Continuada no Grupo Anpla.

Voltar