Notícias

De olho nas tendências: os destaques do Autodesk Brasil 2017

postado dia 22 /09/2017

Essa semana tivemos o prazer de participar pela primeira vez do Autodesk University, um dia de networking e aprendizagem para usuários dos softwares Autodesk. A conferência aconteceu na última terça-feira, dia 19, no World Trade Center São Paulo, e levantou discussões e tendências intersetoriais, como eles próprios dizem.

A Autodesk, por si só, já é uma gigante em termos de inovação, afinal, é a empresa criadora dos softwares AutoCAD e Maya. Ela também é conhecida por utilizar e propagar a  metodologia BIM (Building Information Modeling). E se tem uma coisa que faz dela uma referência mundial, é a visão, o interesse de colaborar com as pessoas, empresas e com o crescimento do mercado.

O evento durou um dia inteiro e apresentou novidades em três frentes: Arquitetura, Engenharia e Construção, Mídia e Entretenimento e Manufatura. O foco, porém, foi a metodologia BIM para construção e infraestrutura. A Modelagem de Informação da Construção, como é conhecida aqui no Brasil, usa modelos em 3D a 7D, mais reais e parecidos com a maquete produzida. O conceito facilita não só a produção, mas os estudos de viabilidade de uma obra, diminui possíveis riscos e custos. Há ainda outras possibilidades de operação e ganho de prazo, que aumentam as chances de sucesso do empreendimento.

A BIM é quase uma ferramenta de realidade aumentada, feita para ajudar profissionais a criar e tornar seus projetos mais palpáveis antes de saírem da tela do computador. É descrita como um grupo de dados sobre um edifício, que será mantido por toda a vida útil dessa construção. Ou seja, ela é essencial no trabalho de engenheiros, arquitetos urbanistas e tomadores de decisão.

Dentre as inúmeras atividades realizadas no dia, a que mais chamou nossa atenção foi a palestra “Extração estruturada de quantitativos com uso de AutoCAD e Navisworks”. Além de estar relacionada ao nosso mercado de atuação, foi bastante interessante e entendemos como podemos extrair dados numéricos a partir de um projeto 3D feito no AutoCAD. O mais legal é que todos os dados são atualizados automaticamente à medida que o projeto é alterado e é totalmente aplicável à etapa de planejamento do trabalho que desenvolvemos.

Participar do Autodesk University foi uma grande experiência. É um evento importante para o setor, super tecnológico e dinâmico, com enorme potencial de crescimento. Ficamos impressionados com a estrutura, capacidade de atendimento, organização e com a qualidade de transmissão dos painéis simultâneos e das palestras. Com certeza indicamos a conferência à quem tiver interesse, já que ela fomenta o desenvolvimento tecnológico e oportunidades para todos os públicos da Autodesk.

André Baptista, Gerente de Operações do Grupo Anpla.

Daniel Arten, Gerente Comercial de Infraestrutura Corporativa do Grupo Anpla.

Voltar